jul 6 2020

Exportações brasileiras de carne bovina bateram recorde em junho


As exportações brasileiras de carne bovina (in natura e processada) somaram 172,36 mil toneladas em junho, 28% mais que há um ano e um novo recorde para o mês, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) compilados pela Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo). A receita das vendas cresceu 48% na mesma comparação, para US$ 743 milhões.

Com esses resultados, no acumulado do primeiro semestre os embarques atingiram 909,72 mil toneladas, um crescimento de 9% em relação a igual intervalo de 2019, e renderam US$ 3,9 bilhões, um avanço de 26%.

O destaque nas exportações, como tem ocorrido desde 2019, continua a ser a China, destino de 57% do volume de embarques de janeiro a junho – a China continental importou 365,13 mil toneladas no período, com alta de 148%, enquanto Hong Kong comprou 154,31 mil toneladas, em queda de 10,5%. No primeiro semestre de 2019, a fatia chinesa total foi de 38,4%. Na receita, o peso do país asiático foi ainda maior: subiu de 38% no ano passado (US$ 1,24 bilhão) para 60,5% em 2020 (60,5%).

Valor Econômico