fev 19 2020

Alta forte no mercado do boi gordo


Com exceção do Oeste da Bahia onde houve queda nas cotações e Alagoas e Santa Catarina onde houve estabilidade, os preços do boi gordo subiram nas 29 praças restantes desde o início de fevereiro.

E as altas foram fortes, na média das 29 regiões a valorização da arroba do boi gordo no acumulado da primeira quinzena foi de 6,0%.

Algumas praças merecem destaque, como por exemplo o norte de Tocantins e Redenção-PA. Nessas localidades, a referência para o boi gordo subiu 11,8% e 10,6%, respectivamente.

Apesar do escoamento calmo, a oferta restrita de boiadas e as escalas curtas deram impulso para as cotações subirem. E, para a próxima semana, dois fatores chamam a atenção.

Por um lado, no fechamento do mercado da quinta-feira (13/2), os preços da carne com osso caíram. O boi casado de animais castrados fechou cotado em R$13,41/kg, queda de 1,0% na comparação semanal.

Esta alteração na margem pode fazer com que a arroba do boi gordo encontre um teto nos próximos dias. Mas, por outro lado, o próximo final de semana é de Carnaval, o que significa aumento da demanda e menor disposição dos pecuaristas para negociar a boiada.

Portanto, o comportamento do mercado nos próximos dias dependerá da velocidade e da necessidade de reabastecimento do varejo.

Marina Zaia / Scot Consultoria