ago 19 2019

Auditoria do Serviço de Registro Genealógico de animais agora é 100% digital


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informou nesta segunda-feira, 19 de agosto, que já está em vigor o procedimento digital de Auditoria do Serviço de Registro Genealógico de Animais. Segundo o governo, a modernização do registro genealógico de animais deve proporcionar uma economia de cerca de R$ 300 mil por ano
às Associações de Criadores do país.

O serviço de registro genealógico animal é feito hoje por 45 associações registradas no Mapa. Existem mais de 300 mil cabeças registradas – do total de 230 milhões presentes no Brasil. “Essas ações são realizadas pelo Departamento de Saúde Animal e se mostram peças fundamentais da chamada “pecuária de precisão”, adotada pelos produtores brasileiros para incrementar os seus índices produtivos”, explica o auditor fiscal federal agropecuário da Secretaria de Defesa Agropecuária, Romero Teixeira.

Segundo o Mapa, foram realizadas mais de 40 auditorias nas associações de criadores registradas em 2018, com uma equipe de 11 auditores fiscais federais agropecuários, distribuídos em dez estados.

Portal DBO