jul 12 2019

RS receberá auditoria para fim da vacinação contra aftosa em setembro


A auditoria que irá avaliar se o Rio Grande do Sul tem condições de encerrar a vacinação contra a febre aftosa e, assim, pleitear o status de livre da doença sem vacinação ocorrerá em setembro deste ano. O Estado está no Grupo 5 do Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa, Pnefa, cujo fim da imunização está previsto para 2021.

O anúncio foi feito nesta quinta-feira (11) pelo diretor do Departamento de Defesa Agropecuária da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) e coordenador técnico da Câmara Setorial da Carne Bovina, Antônio Carlos de Quadros Ferreira Neto, durante reunião da Câmara.

A última auditoria feita pelo Mapa ocorreu em novembro de 2017 e apontou 32 inconformidades, entre questões técnicas e administrativas. De acordo com o diretor, a maioria dos pontos avaliados naquele ano já foi solucionada ou está em vias de solução.

Em 2018 foram fiscalizadas 18.122 propriedades rurais pela Seapdr, totalizando 1.053.527 animais, além de 9.967 agropecuárias que vendem a vacina contra a febre aftosa. Os últimos focos de febre aftosa no Rio Grande do Sul foram registrados em 2001.

Portal DBO